21/06/2013

VEJA O SALÁRIO DOS ATORES DA GLOBO E CONHEÇA QUEM RECEBE MAIS!

E você aí ganhando pouco..

Atuando em novelas de sucessos, atores da Globo sempre ganham um bom valor para atuar. Mais existe aqueles, que dependendo da repercussão e do trabalho já feito na emissora, deve receber mais ainda. Conheça agora o salários dos atores renomado da TV Globo, responsável por ser a segunda maior produtora de novelas da América Latina, com direito ao maior complexo de estúdio atualmente:

Adriana Esteves também faz parte do time fixo da Globo e, mesmo fora do ar, segue recebendo. Seu salário é estimado em R$ 85 mil.


Mas para chegar ao topo é preciso ralar. Estima-se que um ator iniciante de ‘Malhação’ (na foto, a atriz Juliana Paiva) fature aproximadamente R$ 1.500 por mês. Um salário ‘comum’

Saudades da Nina? Pois Débora Falabella não tem motivos financeiros para sentir. Mesmo fora do ar desde o final de ‘Avenida Brasil’, ela segue recebendo estimados R$ 80 mil por mês. Isso porque ela é do time de atores que a Globo paga salários mesmo quando não está no ar.

Um dos maiores salários da Globo é de Fernanda Montenegro. A Dama da TV fatura, estima-se, nada menos do que R$ 380 mil por mês. O salário dela é um dos poucos que não sofre alteração nenhuma, mesmo quando está fora do ar. Isso por conta de sua imagem ser reconhecida internacionalmente.

E tem também aqueles que começaram há pouco tempo mas que já possuem grandes papéis. Caso de Nanda Costa, a Morena de ‘Salve Jorge’, que fatura por mês um valor estimado entre R$ 80 e R$ 100 mil enquanto a novela estiver no ar.

Quem disse que ex-BBB não se dá bem? Pois é, Grazi Massafera não faturou o grande prêmio do reality, mas virou uma das principais atrizes da nova geração da Globo e tem o salário estimado em R$ 65 mil.

Lília Cabral já é velha conhecida do público e umas das atrizes do primeiro escalão da Globo. Na emissora carioca ela recebe, estima-se, R$ 50 mil de salário, sem publicidade inclusa.

Acumular funções é uma boa. Que o diga o ator, diretor, cineasta, apresentador e roteirista Miguel Falabella, que chega, estima-se, à casa dos R$ 650 mil mensais.